O Airbus A320, que fazia o voo 3054 da companhia aérea TAM, protagonizou o maior desastre da aviação brasileira no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. A aeronave que vinha de Porto Alegre não conseguiu frear, ultrapassou os limites da pista, atravessou a avenida ao lado do aeroporto e bateu no prédio da TAM Express e explodiu um posto de gasolina. Todos os 187 passageiros e tripulantes, e mais doze pessoas em solo morreram.