Morreu o escritor Rubem Fonseca, mineiro de Juiz de Fora, aos 94 anos. Ele sofreu um infarto. Entre seus livros mais famosos estão “Feliz Ano Novo” (1975) e “Agosto” (1990). Formado em Direito, Fonseca trabalhou na Polícia entre 1952 e 1954.