Fatos:

A poucos metros da linha de ...

A poucos metros da linha de chegada do GP da Áustria, o piloto Rubens Barrichello abriu mão do primeiro lugar e deixou seu companheiro de equipe, o alemão Michael Schumacher, ganhar a corrida. Foram ordens da Ferrari, que justificou dizendo que a prioridade da equipe era o campeonato de pilotos. Depois da corrida, as Ferraris foram vaiadas pelo público. Constrangido, Shumacher pediu para Barrichello ocupar o lugar mais alto no pódio.