A explosão de 2.750 toneladas de nitrato de amônio (usado como fertilizante e também para artefatos pirotécnicos, armazenados desde 2014) atingiu a cidade de Beirute. O acidente aconteceu na região portuária da capital do Líbano, mas afetou construções a quilômetros de distância.