Gilson de Castro, um dos mais importantes estudiosos da trova brasileira, na verdade tinha uma profissão bem distante da poesia: ele era um dos mais renomados cirurgiões-dentistas do país. O Dia do Trovador homenageia sua data de nascimento, 18 de julho de 1916, no Rio de Janeiro. Após adotar o pseudônimo literário Luiz Otávio, ele publicou, em 1956, Meus Irmãos, os Trovadores, uma coletânea de mais de duas mil trovas de 600 autores brasileiros. Em 1966, Luiz Otávio fundou a União Brasileira de Trovadores – UBT -, com sede no Rio de Janeiro. Ele morreu em Santos, no ano de 1977.