A Guerra da Cabanagem irrompeu no dia 7 de janeiro de 1835. Os revoltosos moravam em pequenas cabanas à beira dos rios no Pará. Chegaram ao poder três vezes. Na primeira, em janeiro de 1835, os cabanos derrubaram o governo de Belém, instalando um governo revolucionário. Foram combatidos por mercenários contratados por políticos legalistas. Num novo ataque, em agosto do mesmo ano, os revoltosos roubaram comerciantes e distribuíram alimentos aos pobres. Em abril de 1836, a armada do mercenário inglês John Taylor, contratado pelo governo para acabar com a insurreição, atacou e ocupou Belém. Os cabanos fugiram para o interior e ainda resistiram durante quatro anos. O saldo foi de 30 mil mortos, quase um terço da população masculina da província.