Como são batizados os furacões? 

Como são batizados os furacões? 

Atualmente, a escolha do nome é feita pela Organização Meteorológica Mundial, com sede em Genebra. Os furacões formados no Oceano Atlântico podem receber 21 nomes diferentes, de A a W, organizados em 6 listas – uma para cada ano. Caso a quantidade de furacões em um ano passe de 21, a identificação passa a ser feita com letras do alfabeto grego. No Pacífico, as 6 listas contém 23 nomes, de A a Z. Em ambos os casos, os nomes são reutilizados, obedecendo um sistema de rodízio. No entanto, caso o fenômeno meteorológico seja particularmente marcante, o nome é retirado da lista por respeito às vítimas e para facilitar seu uso em referências históricas. Nem sempre a escolha dos nomes obedeceu a critérios tão científicos. No início do século XIX, eram comum a utilização do nome do "Santo do Dia" e, na Austrália, o meteorologista Clement Wragge batizava furacões com nomes de políticos que ele detestava.