Um cientista alemão estudou em detalhes o beijo de 120 casais e chegou a incrível conclusão: o número de pessoas que dobra a cabeça para a direita é duas vezes maior do que o daquelas que viram para a esquerda.