Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

10 recordes bizarros

24 de abril de 2019

 

1. Maior projeção ocular
O norte-americano Kim Goodman detém a marca. Ele consegue projetar seus olhos 11 milímetros para fora da cavidade ocular.

2. Maior número de piercings
O cubano Luís Antonio Agüero colocou 230 brincos por todo o corpo. Só no rosto são 175 argolas.

3. Maior consumo de confetes de chocolate em menor tempo
O posto pertence à britânica Kathryn Ratcliffe, que em 2003 comeu 138 confetes de chocolate em 3 minutos.

4. Unhas mais compridas
A norte-americana Lee Remond cultiva seus 7,51 metros de unha desde 1979.

5. Animal mais bem votado em eleições
O Macaco Tião conquistou 400 mil votos nas eleições para a prefeitura do Rio de Janeiro em 1988.

6. Cintura mais fina
A campeã é a norte-americana Cathie Jung, dona de um cinturinha de 38,10 centímentros de largura.

7. Maior reunião de pessoas vestidas de Smurfs
O encontro contou com 1.250 pessoas, e foi realizado na Irlanda em 2008.

8. Maior número de canecas de cerveja carregadas por uma mulher
Em 2008, a Alemã Anita Schwarz conseguiu andar por 40 metros com 19 canecas (cheias) de cerveja nas mãos.

9. Maior coleção de placas “Do Not Disturb” (não perturbe)
O suíço Jean-François Vernetti tem uma coleção de 8.888 placas “não perturbe” de 189 países diferentes.

10. Maior número de camisetas vestidas de uma vez
O recorde mundial é de 227 camisetas, número alcançado pelo belgo Jef Van Dijck em 2008.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Acredite, se quiser: 10 recordes bizarros

Acredite, se quiser: 10 recordes bizarros

A indiana Kalamandalam Hemalatha dançou durante 123 horas e 15 minutos sem parar. Um homem andou sobre suas mãos de Vienna (Áustria) a Paris (França). A viagem durou 55 dias. Um norte-americano usou 10 mil palitos de dente para construir um barco de controle remoto de...

O recorde que não existiu

O recorde que não existiu

  O Guinness Book (o livro dos recordes) e a Fifa reconhecem os 1.329 gols marcados em 26 anos de futebol por Arthur Friedenreich, atacante do Germânia, do Ypiranga, do Wanderers, do Paulistano, do São Paulo da Floresta e do Flamengo, entre 1909 e 1935. É pouco...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This