Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Gremlins

24 de abril de 2019

 

Fazem parte da lenda americana. Não são demônios malignos, mas aprontam suas maldades. No filme de 1982, o inventor fracassado Rand Peltzer sai à procura de um presente original de Natal para seu filho, Billy. Numa loja de Chinatown, bairro chinês de Nova York, ele encontra um dócil mogwai, bichinho que parece um ursinho de pelúcia, batizado depois de Gizmo. O neto do dono da loja, no entanto, faz três advertências ao vendê-lo: 1 – ele não deve ser exposto à luz forte (a luz do sol pode até matá-lo); 2 – ele não deve ser molhado, não pode beber água, nem tomar banho; 3 – ele jamais deve ser alimentado depois da meia-noite, mesmo que peça.

Não é preciso dizer que tudo isso acaba acontecendo. Quando a água cai sobre o mogwai, por exemplo, cinco erupções soltam de sua pele e formam novos bichinhos em alguns segundos. Certa noite, um dos mogwais chora por comida. O garoto olha o relógio e dá frango para todos. O que ele não percebeu é que o relógio estava desligado e já passava da meia-noite. Na manhã seguinte, surgem casulos envoltos numa gosma horrível. Dali de dentro saem os diabólicos gremlins – com aproximadamente 50 centímetros -, que aprontam horrores! Um deles usa uma piscina para se reproduzir. Para acabar com eles, o jeito encontrado foi reuni-los num cinema e provocar uma explosão.

O feminino de Gremlin é Fifinella.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Eden Theatre: o cinema mais antigo do mundo

Eden Theatre: o cinema mais antigo do mundo

O cinema mais antigo do mundo celebrou na semana passada o 125º aniversário da primeira exibição de um filme. O Eden Theatre, em La Ciotat, na Riviera Francesa, exibiu oito curtas-metragens realizados em 1895 pelos irmãos Louis e Auguste Lumière, os inventores do...

Curiosidades sobre os Três Mosqueteiros

Curiosidades sobre os Três Mosqueteiros

Aramis, Porthus e Athos. D’Artagnan era um jovem fidalgo, aspirante a mosqueteiro. Para escrever seu livro, Alexandre Dumas se baseou em Memórias do senhor D’Artagnan, escrito por um tenente da I Companhia dos Mosqueteiros do Rei. Sim, existiu uma companhia de...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This