Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Estradas

24 de abril de 2019

 

  • A construção da Transamazônica foi iniciada em 9 de outubro de 1970 para “rasgar” o Brasil de um extremo a outro, de João Pessoa, na Paraíba, até chegar a Cruzeiro do Sul, no Acre, num total de 5.296 quilômetros. Uma obra para ser visível a olho nu de uma espaçonave. O primeiro trecho, com 1 070 quilômetros, ligando Itaituba a Humaitá (PA), foi aberto ao tráfego em 31 de janeiro de 1974. O asfalto só cobriu pouco mais de mil quilômetros de estrada, entre a capital paraibana e Floriano, no Piauí. Outros 750 quilômetros são cobertos apenas de cascalho e não chegam além de Lábrea, no Amazonas. No total, pouco mais dos seus 1400 quilômetros são trafegáveis.
  • A Transpantaneira (MT-060) foi projetada para ser uma rota de ligação entre o Norte e o Sul. Mas ficou com os 145 quilômetros de terra que ligam as cidades Poconé e Porto Jofre, no Mato Grosso. Jacarés, capivaras, veados e onças vivem cruzando a pista deserta.
  • Inaugurada em 1951, a Via Dutra – ligação entre São Paulo e Rio de Janeiro – tem exatos 407 quilômetros.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Curiosidades da vegetação no Brasil

Curiosidades da vegetação no Brasil

O Brasil abriga 17% das florestas nativas do mundo e a maior parte das florestas tropicais, 34%. É também o campeão em área anual desmatada. Estão perdidos 15% da floresta amazônica e 93% da Mata Atlântica. Parte da devastação ilegal ocorre em áreas indígenas....

Região Norte

Região Norte

1. Durante a Semana Santa, os católicos de Belém fazem procissões que passam pelas sete igrejas históricas, que ficam na área central da cidade. 2. Um município vizinho, Barcarena, apresenta a mais famosa...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This