Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

10 curiosidades sobre a Coca-Cola

24 de abril de 2019
  1. John Styth Pemberton (1831-88), um farmacêutico de Atlanta, nos Estados Unidos, já tinha inventado um tônico à base de álcool e folhas de coca chamado French Wine Coca. O elixir era uma variação do vinho Mariani, bastante apreciado na Europa. Acontece que um de seus ingredientes, o vinho de Bordeaux, ficou caro demais nos Estados Unidos, e Pemberton decidiu tirá-lo da fórmula. Foi então que ele preparou um xarope de folhas de coca e extrato de noz de cola, que os escravos vindos da África usavam como antídoto contra ressaca e cansaço, mas a combinação entre a coca e a cola dava à bebida um gosto amargo. Durante meses, Pemberton misturou diversos ingredientes até obter um xarope de cor escura e gosto agradável.
  2. No dia 8 de maio de 1886, começou a vendê-lo por cinco centavos o copo em sua própria farmácia, a Jacob’s Pharmacy, como medicamento contra a ânsia de vômito. Em seu primeiro ano, a bebida deu prejuízo a seu criador. Pemberton investiu 73 dólares em publicidade e faturou apenas 50 dólares com a venda de 13 copos do refrigerante por dia.
  3. Depois, experimentou adicionar água carbonatada ao xarope e expandiu sua distribuição. Frank Robinson, sócio e contador do farmacêutico, batizou o produto de Coca-Cola. Desenhou em letras onduladas o nome que se transformaria numa das marcas mais famosas do mundo. No início, como a fabricação da Coca-Cola ainda era um negócio pequeno, o concentrado era embalado em pequenos barris de madeira, pintados de vermelho, cor do grão da cola.
  4. Em 1891, outro farmacêutico, Asa B. Candler, que havia tomado o elixir para dor de cabeça, adquiriu os direitos da fórmula de Pemberton pela quantia de 2.300 dólares. Oito anos depois, ele iniciou um sistema de franquia e engarrafou o produto. Cuba e Panamá foram os primeiros países a engarrafar o refrigerante, em 1906.
  5. Até 1915, o refrigerante tinha como um de seus ingredientes uma pequena quantidade de cocaína.
  6. O design da famosa garrafa foi criado por Earl Dean em 1915, e começou a ser fabricado no ano seguinte pela Root Glass Company. Por causa de suas curvas, ela foi apelidada de Mae West, nome de uma voluptuosa atriz do cinema.
  7. No ano de 1919, The Coca-Cola Company foi vendida a um grupo presidido por Ernest Woodruff pela quantia de 25 milhões de dólares. O Papai Noel apareceu na propaganda do refrigerante pela primeira vez em 1931. A Coca-Cola chegou ao Brasil em 1942. Vinha em barris e era engarrafada aqui.
  8. A embalagem de 1 litro surgiu em 1953. Em 1955, a Coca-Cola estava com problemas para mandar o refrigerante em garrafas de vidro para as tropas americanas que serviam na Ásia. Decidiu enviar a bebida em latinhas. A novidade deu tão certo que, cinco anos depois, ela começou a ser oferecida no mercado dos Estados Unidos. As latinhas foram lançadas no Brasil, inicialmente no Rio de Janeiro, em 1981. As folhas-de-flandres passaram a ser substituídas pelas de alumínio nos Estados Unidos em 1963, e no Brasil, em 1989.
  9. A “onda” do logotipo da Coca-Cola apareceu em 1970. O lançamento mundial da Diet Coke aconteceu nos Estados Unidos em 1982. Depois vieram a Coca-Cola Light (1983) e a Cherry Coke (1985). Em 1985, a fórmula da Coca-Cola foi alterada, mudando o sabor da bebida. Durante os testes, o refrigerante foi aprovado, mas quando chegou ao mercado, o consumidor não gostou. O produto voltou como Coca-Cola Classic.
  10. A cada 10 segundos, 126 mil pessoas tomam algum produto da Coca-Cola.

Leia também: 
Coca-Cola: a história contada em pôsteres
Como foi a invenção da garrafa de Coca-Cola

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

A verdadeira história da bala 7 Belo

A verdadeira história da bala 7 Belo

Escrevi para a assessoria de imprensa da Arcor, dona da marca 7 Belo desde 2001, pedindo ajuda para contar a história da bala cinquentenária. O departamento de marketing não quis passar informações. No jogo de cartas, 7 Belo é o apelido que a carta “7 de ouros” ganhou...

A origem dos bolinhos madeleines

A origem dos bolinhos madeleines

As madeleines têm uma função muito importante na monumental obra de Marcel Proust. "Em busca do tempo perdido", o autor francês utiliza o momento em que a tia mergulha um bolinho na xícara de chá para evocar saborosas lembranças. [yotuwp type="videos" id="7h9WokS7PoQ"...

A origem do nome e da embalagem das batatas Pringles

A origem do nome e da embalagem das batatas Pringles

A batata frita Pringles foi lançada no mercado americano em 1968. Até 1986, o nome tinha um apóstrofo (Pringle's). Depois virou uma palavra só. A escolha do nome foi bastante curiosa. Fizeram uma pesquisa na lista telefônica de Cincinatti. Encontraram no subúrbio da...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This