Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Jane e Herondy: antes e depois

14 de novembro de 2008

Jane e Herondy - A História de Jane & Herondy

 

 

O casamento que durou 33 anos terminou em 2005. Gravaram muitos discos, tiveram uma filha e são lembrados até hoje por “Não Se Vá”, uma versão de uma música de Alain Barriere, que estourou nas paradas em 1976. Jane Vicentina do Espírito Santo e Herondy Bueno, ou simplesmente Jane e Herondy, continuam amigos e se apresentam de vez em quando para pequenas platéias. O Blog do Curioso faz agora uma brincadeira de “antes” e “depois”. Confira um vídeo da dupla no programa de Carlos Imperial (postado pelo Mofo TV) e outro de uma festa Trash 80, de 2004.
Antes, em 1979:

Depois, em 2004:

Para pesquisar sobre músicos brasileiros, acesse sempre o “Dicionário Cravo Albin de Música Popular Brasileira”:
http://www.dicionariompb.com.br/detalhe.asp?nome=Jane+e+Herondy&tabela=T_FORM_E&qdetalhe=his

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Orquestra de escola dinamarquesa faz concerto para vacas

Orquestra de escola dinamarquesa faz concerto para vacas

Vestidos com se estivessem indo mesmo para um concerto num grande teatro, os músicos pegam seus instrumentos todas as semanas e, sentados em bancos de feno, tocam lindas músicas clássicas para um rebanho de vacas. Os recitais são organizados pela Escola Escandinava de...

7 Comentários

7 Comentários

  1. TERCIO LACERDA

    Parabens!!!!
    Recordar é viver.
    O romantico daqueles tempos, pode ser brega hoje, mas valeu!!!!

    Responder
  2. Amanda

    Sem esquecer, é claro, do ‘Nã nã nã nã – Amor amor’… imortalizado pelas imitações dos Trapalhões nos saudosos anos 80…

    Responder
  3. cecilia

    Adorei. o amor´é mesmo lindo. Não acho brega, nem piegas nem nada disso. Quando amamos, gostamos mesmo é disso. Lindo. Quanto tempo não os vejo. Estão ótimos e ela tem uma voz linda.

    Responder
  4. Ana

    brega, sem dúvida… mas ela canta muuuuito!
    gosto da gravação dela de “com açúcar com afeto” do chico buarque

    Responder
  5. Roselaine

    Não sei não eu já achava os dois bregas na época em que surgiram.

    Responder
  6. Dr Barreto

    Simplesmente inesquesível essa dupla.

    Responder
  7. Ira

    Que dupla maravilhosa!
    Não apareceu outra igual a essa!
    Voltem!
    V
    São inigualáveis!
    bjks

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This