Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

10 curiosidades musicais

24 de abril de 2019

 

  1. O Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP) impunha uma censura à produção cultural brasileira desde 1937. Só em 1940 foram vetadas 370 letras de músicas populares por terem referências consideradas negativas.
  2. Os Canarinhos de Petropólis é o coro de meninos cantores mais antigo do Brasil. A primeira apresentação aconteceu em 15 de agosto de 1942. O repertório principal é de música sacra.
  3. O termo “discoteca” foi inventado pelo cineasta Roger Vadim no final da década de 1940. Vadim começou a chamar de “discothèque” as pequenas boates parisienses que não tinham dinheiro para tocar música ao vivo. O apelido pegou e, 30 anos depois, “discoteca” virou também um tipo de dança, responsável por embalar os sábados de John Travolta no filme “Embalos de Sábado à Noite” (1977).
  4. Os psicólogos da Universidade Caledonian, na Escócia, divulgaram em 30 de março de 2005 que ouvir a música favorita pode aliviar a dor. Os médicos chegaram a esta conclusão depois de realizar uma pesquisa em que um grupo foi convidado a colocar a mão em uma bacia com água gelada pelo maior tempo possível. Os que ouviam sua canção predileta conseguiam suportar o frio por um tempo cinco vezes maior que os que estavam no silêncio.
  5. Em 1930, o caricaturista J. Carlos escreveu a letra do samba Este Mulato Vai Ser Meu. Começava assim: “Na Grota Funda / na virada da montanha/só se conta uma façanha / do mulato da Raimunda”. Lamartine Babo não gostou e pediu ao autor da música, Ary Barroso, autorização para mudar a letra. Ficou assim: “No Rancho Fundo / bem pra lá do fim do mundo / onde a dor e a saudade / contam coisas da cidade”. A canção foi rebatizada de No Rancho Fundo e causou o rompimento da amizade entre J. Carlos e Ary Barroso.
  6. A batuta do maestro Isaac Karabitschevsky é francesa, de metal trabalhado. Pesa 150 gramas. Pertenceu a Carlos Gomes. Ele a tem desde o final da década de 1960, e ela já contabiliza mais de 5 mil horas de concertos.
  7. A música Disparada, apresentada por Jair Rodrigues em 1966, inovou ao utilizar uma queixada de burro como instrumento de percussão.
  8. O “cha-cha-cha” nasceu na cidade americana de Pittsburgh, na Pensilvânia. Enorme sucesso na década de 1950, a dança foi inventada pelo coreógrafo Fred Kelly, junto com o percussionista cubano Tito Piente – que criou o ritmo. Fred Kelly era o irmão mais velho de Gene Kelly, ator e dançarino consagrado pelo filme “Dançando na Chuva”.
  9. O sambista Bezerra da Silva fugiu de casa aos 15 anos. Como não tinha dinheiro para fazer a viagem de Pernambuco ao Rio de Janeiro, ele se escondeu em um navio.
  10. Tocar um instrumento musical pode aumentar o QI de uma pessoa em até 5 pontos.

Clique aqui para saber mais sobre a Invenção das notas musicais.

 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Orquestra de escola dinamarquesa faz concerto para vacas

Orquestra de escola dinamarquesa faz concerto para vacas

Vestidos com se estivessem indo mesmo para um concerto num grande teatro, os músicos pegam seus instrumentos todas as semanas e, sentados em bancos de feno, tocam lindas músicas clássicas para um rebanho de vacas. Os recitais são organizados pela Escola Escandinava de...

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This