Pesquisa revela que apenas 1% dos descontos da “Black Friday” é real

25 de novembro de 2020
Um levantamento feito na Inglaterra pelo site Which? revelou que apenas 1% das ofertas anunciadas na “Black Friday” é real.  Foram pesquisados 219 produtos populares anunciados como promoções por cinco grandes redes.  São elas: Amazon, AO.com, Argos, Currys PC World e John Lewis.

 

A Which? mostrou que 99% dos produtos estavam com preços mais baixos ou iguais nos seis meses anteriores e depois que a “Black Friday” tinha passado. Das cinco redes pesquisadas, apenas a Amazon oferecia alguns descontos reais, mesmo assim em 10% dos produtos anunciados como promoções.

 

Organização sem fins lucrativos de proteção ao consumidor, a Which? tem um modelo semelhante ao IDEC (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), com sede em São Paulo. Realiza pesquisas e testes de produtos. Em ocasiões, como a “Black Friday”, o IDEC traz sempre informações importantes para os clientes não entrarem numa fria.

 

 

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *