Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Máquina de snacks vende mensagens reconfortantes e encorajadoras

29 de março de 2018

Às vezes, a fome não é exatamente de comida. Uma máquina de snacks em Sydney, na Austrália, passou a fornecer algo bem diferente em embalagens que parecem barrinhas de cereal. São pequenos pacotes de “propósito”, “pertencimento” e “amizade”, compostos de mensagens reconfortantes e atividades. Denominada “Intangible Goods” (Bens Intangíveis), a instalação temporária é resultado do trabalho de Elizabeth Commandeur e Mark Starmach.

Elizabeth e Mark em frente à instalação dedicada a dispensar mensagens encorajadoras


Os kits foram desenvolvidos pelos artistas em parceria com psicólogos, e os temas foram escolhidos com base em uma pesquisa feita com moradores da cidade para descobrir do que eles sentiam mais falta na vida. As respostas mais frequentes foram transformadas em produtos para a máquina automática, que foi colocada numa rua do centro da cidade na última segunda-feira (26). Ela irá passar ainda por outras duas localidades de Sydney ao longo das próximas duas semanas. Todos os itens custam 2 dólares australianos (aproximadamente R$ 6) e o lucro irá para associações dedicadas à saúde mental, como o Schizophrenia Research Institute da NeuRA e as organizações beyondblue e WayAhead.

As falsas barrinhas fornecem amizade, conforto e propósito


Alguns contém papel para origami; outros vêm com sugestões de escrita para acalmar a mente. O pacote de “propósito”, por exemplo, contém cartas que nos convidam a pensar nas pessoas que amamos, naquilo que gostamos de fazer e nas coisas futuras que nos empolgam; enquanto o de “imaginação” é repleto de cartões temáticos que pedem que seu consumidor desenhe a primeira coisa que lhe vem à mente ao ler combinações inusitadas de palavras, como “coffee fish” (peixe de café), “bacon sunset” (pôr-do-sol de bacon) e “jurassic teapot” (chaleira jurássica).


 

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

O taxista mais curioso do Brasil

O taxista mais curioso do Brasil

O "É Brasil que Não Acaba Mais" apresenta Mauro Castro, taxista em Porto Alegre há 35 anos. Ele criou o projeto "Taxitramas" em 2003. Começou escrevendo uma coluna para o jornal "Diário Gaúcho". As colunas foram parar em livros a partir de 2006.  Ele acaba de lançar o...

3 Comentários

3 Comentários

  1. Sócrates Souto

    Ao Blog do Curioso,
    Achei esse artigo e a ideia muito interessantes, algo que eu acredito que deveria ser permanente, e não temporário.
    Saúde mental é um assunto que deve ser muito trabalhado atualmente, devido a grandes surtos de depressão que resultam em atividades suicidas, como a “Baleia Azul”.
    É algo que devia ser promovido por diversas agências de Valorização à Vida em todo o mundo, acredito eu.
    Além de que elementos criativos na cidade despertam curiosidade, fazendo com que mais pessoas comprem o item somente para saber como é, e o dinheiro arrecadado tem uma boa finalidade.
    Continuem trazendo artigos interessantes e bem escritos,
    Sócrates Souto

    Responder
  2. Francisco Diogenes Horn

    Olá Marcelo Duarte.
    Eu concordo plenamente com a ideia de encorajar as pessoas com mensagens da máquina. A ideia da máquina é ótima, pois ela ajuda a deixar as pessoas mais felizes e calmas. A doação do dinheiro arrecadado pela máquina para instituições de saúde mental, torna a ideia boa para todos.

    Responder
  3. Tereza Maria

    Gostei muito. Sou ouvinte do programa”você é curioso”?
    Amei as curiosidades sobre mosquitos e pernilongos.Tenho muitas coisas que quero saber. Brevemente voltarei.
    Obrigada, Marcelo.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This