Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Grandes micos em casamentos

6 de maio de 2010

Já que estamos no Mês das Noivas, vale conhecer o músico Luciano de O. Figueiredo, que escreveu um livro com as histórias engraçadas que presenciou ao longo de sua carreira – “Micos em Casamentos”. Veja alguns desastres em cerimônias que não escaparam do registro do autor. Ele garante que todas as histórias são reais (por incrível que pareça)!
capa_sombra
1- Em um casamento numa igreja evangélica, o pastor, berrando ao microfone, afirmou que Jesus estava presente para realizar uma cura. Depois de muita insistência do pastor para que alguém se manifestasse, uma convidada disse que estava com dores nas costas. Ele estendeu a mão na direção dela e, depois de alguns segundos em silêncio, falou que ela estava curada. Mas a mulher o desmentiu, dizendo que ainda estava sentindo dores. O pastor fez novamente o ritual, e nada. Então, ele apenas disse que a dor ia passar logo. E continuou a cerimônia.
2- A juíza de paz perguntou ao noivo se ele aceitava aquela moça como sua legítima esposa. Brincalhona, a noiva fez um sinal com as mãos, como se fosse uma arma de fogo, e apontou para a cabeça do noivo. Irritada, a juíza simplesmente abandonou a cerimônia. Com muito custo, um grupo de convidados convenceu-a a voltar, mas ela dedicou alguns minutos para fazer um severo sermão, dizendo que era uma autoridade, e não estava ali para fazer teatro.
3- A noiva estava com uma dúvida cruel: não sabia se contratava um carro, um helicóptero ou uma carruagem para sua entrada. Resolveu, então, contratar os três. Chegou de helicóptero ao sítio onde seria realizada a cerimônia. Depois, embarcou em um carro e deixou o heliponto. Em seguida, subiu na carruagem. Com isso, somente para a entrada da noiva, foram 20 minutos de espetáculo.
4- Para não deixar a imagem tremida, um cinegrafista filmava em uma cadeira de rodas. No meio da cerimônia, decidiu que um ângulo ficaria melhor se ele estivesse de pé. Mas, quando se levantou da cadeira, os convidados iniciaram um imenso alvoroço: “Aleluia, Glória a Deus! O cinegrafista está curado!”.
5- Essa, como o próprio autor admite, “parece coisa de novela”. Dias antes de subir ao altar, o noivo descobriu que estava sendo traído, mas levou o casamento adiante. Já na festa, depois da cerimônia, subiu com a noiva ao palco e anunciou que faria um discurso. Foi quando pediu para que os convidados conferissem o que havia debaixo dos pratos. Encontraram fotos da noiva com seu amante, tiradas por um detetive particular. Em seguida, o noivo abandonou a infiel no palco e foi embora. Ela ficou ali parada por alguns instantes, até desmaiar de vergonha.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

O taxista mais curioso do Brasil

O taxista mais curioso do Brasil

O "É Brasil que Não Acaba Mais" apresenta Mauro Castro, taxista em Porto Alegre há 35 anos. Ele criou o projeto "Taxitramas" em 2003. Começou escrevendo uma coluna para o jornal "Diário Gaúcho". As colunas foram parar em livros a partir de 2006.  Ele acaba de lançar o...

2 Comentários

2 Comentários

  1. Carolina

    Essa história do noivo colocar a foto embaixo dos pratos aconteceu onde?
    Nossa, que mico, hein?

    Responder
  2. Visionário

    Jurava que essa última, fosse “fake”. Já conhecia essa história, inclusive por esses dias, mais uma vez recebi na minha caixa de entrada, todo o enredo. O cara é corno, mas um corno ninja.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This