Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

Pirulito de sushi e de cupcake. Vai provar?

17 de setembro de 2011

Você se lembra do Push Pop? Para quem não é assim tão velho quanto eu, explico: era um pirulito com embalagem em forma de bastão. Para experimentar, a criança devia empurrar o doce com o dedo pela parte inferior do plástico. Fez bastante sucesso nas décadas de 1990 e 2000. Hoje, ainda é possível encontrar versões parecidas de outras marcas à venda. A marca original ainda existe nos Estados Unidos (veja um comercial exibido por lá).

Se era ruim ver crianças com os dedos pegajosos por causa do contato com o doce, o problema foi resolvido pela Meringue Bake Shop, loja especializada em cupcakes da Califórnia. A empresa criou os PushCakes, bolinhos que podem ser consumidos assim como os antigos pirulitos: conforme a embalagem de plástico – que ajuda a prevenir a sujeira – é empurrada, a massa sai pela abertura superior e pode ser devorada em festinhas infantis ou em docerias e padarias.

(Em São Paulo, a Jean et Marie Atelier de Doces criou um bolo no palito. O conceito é parecido, mas o resultado ficou bem diferente.  A Starbucks, por sua vez, começou a vender também os cakepops).
Mais estranho do que comer um cupcake no estilo do “pirulito de dedo” é atacar uma refeição inteira desta maneira. É isso que os inventores do Sushi Popper pretendem vender. O produto é um tubo plástico que contém um rolo de sushi cortado em sete partes. Basta empurrar a comida japonesa para cima e mandar bala. O pacote vem até com molho de soja em um tubinho à parte.

Cada rolinho pode ser conservado no congelador por até quatro meses. Para consumir, basta deixá-lo em temperatura ambiente de uma a duas horas. Por enquanto, os sabores disponíveis são caranguejo picante, califórnia (com manga ou abacate) e camarão picante. A marca pretende lançar, no futuro, sabores como salmão, frango ao molho teriyaki e atum.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This