Novo Livro O Guia dos Curiosos - Edição Fora de Série

O monstro que assusta Minas Gerais

28 de junho de 2011

Uma mistura de macaco, lagartixa e galinha. Aparece nos meses quentes do ano, sempre no fim de tarde, por volta das 17 horas. Fica próximo da margem do Rio Carmo (foto abaixo), que atravessa as cidades mineiras de Mariana, Acaiaca e Barra Longa. Ataca o gado e, nos últimos tempos, até seres humanos. Essa é a descrição do Caboclo d’Água dada pela população das redondezas.

Rio do Carmo (Minas Gerais) – Wikipédia, a enciclopédia livre

“É uma história antiga, meu pai já a escutou quando era pequeno. As crianças sempre eram advertidas a não nadar no rio ao entardecer”, diz Leandro Henrique dos Santos, diretor do jornal O Espeto. Nos últimos oito anos, porém, as histórias voltaram com força total: “Dizem que o monstro  é responsável pela morte de um jovem que nadava com os amigos”, explica Santos. “De repente, ele afundou e emergiu morto em meio a muito sangue, com os testículos arrancados”.
Com o aumento da quantidade de causos, o jornal elaborou um “retrato falado” do bicho, também conhecido como Nego d’Água. Santos e  Milton Brigolini Neme, professor da Universidade Federal de Ouro Preto, fundaram  a Associação de Caçadores de Monstros e Assombrações em 2009.

O objetivo deles é verificar a existência de seres incomuns que aparecem nas histórias contadas no interior. Além do Caboclo d’Água, o maior caso, existem outros 32 mistérios em estudo, como a Mãe do Ouro, que espantou garimpeiros no bairro de Bento Rodrigues ao rodopiar com uma luz brilhante; ou o Lobisomem do Pezão, lobo que até hoje não atacou ninguém, mas assusta com pegadas gigantes deixadas na terra.
A associação, que já tem cerca de quarenta membros, usa equipamentos eletrônicos, como GPS e câmeras automáticas. Com isso, já derrubaram o mito de que uma casa na região era assombrada. O proprietário escutava som de passos, mas eram apenas gases que se desprendiam do terreno pantanoso e faziam a madeira estalar. “Queremos checar tudo de maneira científica”, diz Santos. “É muito fácil culpar o sobrenatural por coisas que não compreendemos”. Para ele, o Caboclo d’Água pode ser um mutante de alguma espécie animal da região.
Tentando desmistificar o assunto, o professor Neme decidiu oferecer há quatro anos uma recompensa de 10 mil reais a qualquer um que consiga fotografar a criatura. A associação oferece os dados de localização já coletados e até mesmo transporte até os equipamentos onde montam vigia. Até agora, ninguém conseguiu.

Esta página contém links de afiliados. Ao fazer uma compra por um desses links, o Guia dos Curiosos recebe uma comissão e você não paga nada a mais por isso.

Artigos Relacionados

Campeão mundial de Pulo em Poça d’Água

Campeão mundial de Pulo em Poça d’Água

A curiosidade hoje vem do País de Gales, que faz parte da Grã-Bretanha. É lá que mora Theo Burkitt-Watkins, de 3 anos, que acaba de ganhar o título de campeão mundial de Pulo em Poça d’Água. Sim, esse campeonato existe. Este ano, ele aconteceu remotamente. Os...

30 Comentários

30 Comentários

  1. Antônio de Pádua G. Ribeiro

    Acho que este caboclo d´agua que está rodeando a cidade de Barra Longa é da espécie “amarelim”, já que este é arisco. Diferente da que já vi na Serra dos Pinheiros (zona rural de Ponte Nova), onde tenho uma propriedade, que é “pardim” – não é muito arisca. O caboclo d´agua que ví, tinha corpo de menino, peludo e com “as mãos de frango”.

    Responder
  2. israel

    muito bonitinho esse monstro, não?

    Responder
  3. andly aline neves joaquim da silva

    eu acho que e uma historia fantastica ,duvidosa e assobradora e acho que as pessoas tambem devem acreditar no sobrenatural .porque se existe o bem existe o mal tambem cabe a nos saber conviver com eles eu acho que as pessoas tem sua parcela de culpa por estarem cada vez mais destruindo a natureza .ve se ele antes ja tinha aparecido nao foi so agora com a destruicao do seu habitat natural e o avanco das pessoas pra o campo.

    Responder
  4. andly aline neves joaquim da silva

    Eu acho que é uma historia fantástica ,duvidosa e assobradora e acho que as pessoas tambem devem acreditar no sobrenatural .Porque se existe o bem existe o mal tambem cabe a, nós saber conviver com eles eu acho que as pessoas tem sua parcela de culpa por estarem cada vez mais destruindo a natureza vejam se ele antes já tinha aparecido não foi só agora com a destruicão do seu habitat natural e o avanco das pessoas para o campo .

    Responder
  5. Eliezer Schrier

    Bom dia!!
    Falar sobre assombrações e coisas estranhas ao costumeiro é difícil a concordância. Peço aos especialistas e estudiosos do assunto para dar a sua opinião sobre estas fotos que deixaram-me pensativo.
    Breve Relato:
    Na propriedade de minha esposa, na fazenda Bizarria em Diogo de Vasconcelos/MG. Aconteceu tudo o que relatarei em outro comentário, hoje ficarei satisfeitíssimo com estas perguntas:
    1- Como Morreram estes animais?
    2- Onde foi parar a carne deles?
    3- Não sobrou vestígios?
    4- Porque devo indenizar o proprietario dos animais?
    Obs.: os animais mortos pertenciam ao vizinho. Como faço parar enviar as fotos dos animais mortos em questão?

    Responder
  6. Luiz Felipe

    Boa Tarde!
    Gostaria de saber se há uma possibilidade de enviar algumas fotos sobre o comentário acima (Eliezer).
    Aguardo e agradeço.

    Responder
  7. flavio

    merece uma investigacao porque essas coisas nao existe paraa vaiiiiiiiiiii

    Responder
  8. isac

    esse monstro é mais bonito do que o meu irmão!

    Responder
  9. Vitor Scardini

    Achei uma história realmente fantástica, se é verdade não sei. Mas, de acordo com o Especialista de Assombração Leandro Henrique dos Santos existe fatos que comprovam por moradores a existência de tal lenda ou aberração, que assusta a população de Marina/MG. Ele está sendo visto por milhões de pessoas agora no programa do Jô na tv globo, inclusive por mim. Logo, procurei no google informações sobre a matéria, mas espero que nenhuma dessas sobrenaturais criaturas venham até Vitória/ES exclusivamente me assombrar. (rs)
    Abraços

    Responder
  10. Maria Beatriz de Souza Araújo

    Apreciei e publiquei em minha página do Facebook o vídeo de sua entrevista no Programa Jô Soares. Não tenho a honra de ser Especialista de Assombração, nem sou poetisa assombrada, mas publiquei em meu livro a poesia “Morro da Micaela”, habitat de toda assombração acaiaquense, segundo relatos que tive em minha infância.
    Esse morro fica na estrada de saída para o distrito de Goiabeiras, onde residia o Sr. Raimundo Mandioca, grande conhecedor de toda a assombração do morro, era especialista. Minha tia Cecília Bonifácio, também residente lá, vinha sempre a Acaiaca, quando me dava as notícias assombrosas que eu adorava ouvir, para sentir medo a noite.
    A poesia de nossa assombração está no Facebook. Visite-nos, Sr Especialista, elas certamente gostarão de conhecê-lo.

    Responder
  11. carolene

    nosa este monstro esiste mesmo ? se esestir vou atras deste monstro

    Responder
  12. val

    sera Q isso existe mesmo?

    Responder
  13. ELENICE

    Estamos no mês de Agosto, e achei ótimo esta história do Cabloco d agua , vou passar para meus amados alunos.

    Responder
  14. ELENICE

    gostei muito da história.

    Responder
  15. joão vitor

    eu não acredito niso mas tanbem não buso desas coisas

    Responder
  16. valdesi e turma

    Como conseguiram a foto do MOSTRO sera que merqulharam tiram uma foto e depois desenharam

    Responder
  17. Roberto

    visitei recentemente a região e fiquei curioso em relação ao assunto gostaria de fazer maiores contatos com peesoas que possuem relatos sobre o mesmo. O assunto é interessante

    Responder
  18. neviton(mc69)

    olha isso pode ser mais um mito!
    não ira passar de uma lontra ou algo parecido…

    Responder
  19. Mário

    Na ocasião desses acontecimentos, eu estava no campo e vi uma nave aterrisar próximo ao rio.Com certeza era uma nave intergaláctica em exploração ao nosso planeta e quando acabou sua missão na Terra, essa criatura foi esquecida aqui e deve estar fazendo contato para o resgate; o problema é que a espaçonave se encontra a anos luzes de nosso planeta e vai demorar algum tempo para chegar aqui. Esperamos que o monstro não se procrie com seres humanos, dando origem a uma nova geração…

    Responder
  20. roberta

    meu deus que bicho mais feio nunca vi um emgual a isso hoje em dia existe cada coisa nesse mundo que meu deus agora fudeu tudo agora todo mundo vai ter medo de lago ninguèm vai mas tomar banho em lago agora (risos) agora não podemos mais nos divertir nem na piscina pq existe mãe da àgua e nem na praia pq existe a lenda da menina que morreu na pria pq ela não quis voltar quando passor das 5:00 ela foi puchada por uma pessoa

    Responder
  21. marta

    serar que ele existe? será q alguem acredita?vcs gostaram ele é muito assustador.

    Responder
  22. rafael santana

    acho que isso é verdade , já ouvi várias outras historias que realmente não faziam sentido más essa pra min é verdadeira!!!

    Responder
  23. Lomepi

    Parece ser lenda/conto local.
    Isso é muito comum em lugares assim…
    Uma vez ouvi um relato de uma criatura (e DO MAL!) no programa da MARCIA GOLSDSCHIMDT_um tal de UNHUDO (pelo desenho deste_nada amigável).
    E isso de seres atipicos (ou MONSTRUOSOS) é até atraente; aguça a imaginação – embora muitos ainda sejam descobertos com o tempo.

    Responder
  24. Ricardo

    vocês acham que isso é um monstro? kkk vocês ainda não viram as “coisas” que eu já cacei!!!

    Responder
  25. janio pinheiro

    meu pai me contou ….e disse pra eu não ir pro rio sozinho ….agora acredito…bjs!

    Responder
  26. jeferson de jesus

    eu quando tinha uns 10 ans em um comicio para prefeito daq da minha cidade em uma fazenda q o dono ja morreu..meu tio era candidato a vereador..e wu fui..la na entrada tem um tipo d represa toda suja.e a represa era arrodiado d cascalho e era tipo um barranco s cascalho ao redor da represa.eu e meus primos decems nela e la embaixo eu fiquei d costas pra represa.fikams la um pouko.ai eles subiram e quando terminaram d subir eu virei pra represa tinha tipo um lagarto ou cobra na forma d uma pessoa me encarou e me falou algo q n intendi..eu cm muito medo gritei e subi o barranco me maxucando todo nos cascalho..corri e falei pra minha tia ms so q ela n deu moral…e assim fikou fui embora pra casa e sem eles acreditar..a cidadw e sapucaia-pará..a fazenda fik perto ms o nome n sei..fik do lado d outra faZenda xamada cacau

    Responder
  27. Mateus Lucas

    Eu acho isso tudo uma besteira, mas não vou contrariar a opinião alheia

    Responder
  28. KAIQUE

    QUE ISSO E MUITO PERIGOSO

    Responder
  29. thiago barral

    essas coisas estranhas existem, mais eles se isolam de nossa realidade pos, sabem que nunca seram aceitos pos servimos a DEUS e eles, temem isso!
    Essas criaturas disbolicas estão espalhadas pelo mundo , viram lendas e mitos a cada aparição mexem com a cabeça do mais religioso que seja
    eles estão aqui por um proposito, e não e trocar gentileza com a gente.
    Ate um micro-organismo ,tem seu proposito uma formiga em fim.
    Eles não estão aqui atoa, são peças de xadres que,ou talvez de..um “quebra-cabeça”.
    Mais nunca devemos dúvidar ou questionar o desconhecido , mais devemos temelos.

    Responder
  30. Cezar

    Bo dia . Isto Srs. é bem real, podes crer! Aqui no RJ, na cidade de Japeri, presenciei um pescador que cortou umas mas mãos de u bicho deste no Rio Guandu, a ão era semelhante a mostrada no desenho. Ela ficou exposta na parede de um bar para que todos a vissem que o mito do Bicho da água era real. Os Srs, estão na pista certa mesmo, é aí este rio que vão encontrá-lo. Parabéns a este Grupo de Elite, se eu fosse morador daí, teria o prazer de fazer parte deste Grupo.

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This